Trabalho a Quente / Controles de Terceiros

Trabalho a quente é qualquer atividade temporária que pode produzir faíscas, chama ou calor em local que não foi designado para tal atividade. Alguns exemplos de operações que geram faísca são soldagem, corte, moagem e esmerilhamento. O trabalho a quente apresenta um grave risco de incêndio. A experiência da Zurich em sinistros indica que quase 10% dos incêndios industriais são causados por práticas inadequadas de trabalhos a quente.

Empresas terceiras são muitas vezes contratadas para trabalharem em áreas de processamento, fabricação, manutenção e limpeza. Os terceiros podem não estar familiarizados com os riscos de processos, procedimentos de gestão de segurança, equipamentos de proteção contra incêndio e controles de gerenciamento de risco da empresa que está prestando serviços.

O QUE PROCURAMOS?

Exposições

  • O tipo, quantidade e extensão da carga combustível e de materiais perigosos que podem causar ou contribuir para um incêndio devido a um trabalho a quente.
  • Carga combustível ou materiais perigosos que representam um grau incomum (maior ou menor) de exposição para a ocupação se comparados com as expectativas normais da atividade.

Controle

  • Realizar os trabalhos a quente fora das instalações ou em uma oficina de manutenção específica para este fim.
  • Realizar os trabalhos a quente fora das instalações ou em uma oficina de manutenção específica para este fim.
  • Remover ou proteger (cortinas de soldagem) materiais combustíveis na área de trabalho a quente.
  • A pessoa encarregada da “vigilância de fogo” supervisiona o trabalho a quente e porta equipamentos de combate a incêndios prontos para uso.
  • Procedimentos formais de autorização de trabalho quente por empresas terceirizadas cobrindo triagem, treinamento e supervisão adequadas.
  • Proporcionar informação inicial e básica do local para os contratados. O treinamento de integração a terceiros deve explicar as regras do local, riscos e precauções de segurança, incluindo os procedimentos de permissão do trabalho adequados.

IDEIAS PARA MELHORIA DO RISCO

  • Implementar um programa de “Permissão de Trabalho a Quente” formal para supervisionar funcionários e prestadores que realizam de trabalhos a quente.
  • Fornecer treinamento de segurança para trabalho a quente aos funcionários e prestadores de serviços que realizam esse tipo de serviço.
  • Criar um cadastro de prestadores de serviços aprovados. A aprovação de contratados pode incluir a experiência ou credenciamento em normas internacionais, pessoal qualificado, procedimentos de trabalho seguros, etc. Além disso, verificar se os contratados possuem seguro adequado (Seguro contra terceiros e trabalhadores) em vigor.
Fechar Menu