Aquecimento e Resfriamento

O Aquecimento e resfriamento aplicam-se a sistemas que fornecem aquecimento, ventilação e ar condicionado para os edifícios.

Para as caldeiras, geradores de vapor e aquecedores de água, este Fator de Risco só se aplica para as unidades de queima (por exemplo: fornecimento de combustível, queimadores e os controles do queimador).

Caldeira de Recuperação é avaliada em Fator de Risco – Controle de riscos de processo.

O QUE PROCURAMOS?

Exposições

  • O tipo, quantidade e extensão dos equipamentos de aquecimento e resfriamento existente na empresa que pode incendiar.
  • Sistemas de aquecimento e resfriamento pode representam um grau incomum (maior ou menor) de exposição para a ocupação se comparados com as expectativas normais da atividade.

Controles

  • Cumprimento com as normas locais no que diz respeito à instalação, revisão e testes periódicos.
  • Contenção de derrame de líquidos combustíveis.
  • Ventilação para evitar atmosferas explosivas.
  • Controles adequados para o equipamento aquecido (por exemplo: fechamento da válvula quando a água estiver em nível baixo, interruptores da pressão de ventiladores, intervalos de purga de pré-ignição, interruptores de pressão de combustível, detectores de falha da chama, temperatura da caldeira ou controles de pressão, etc.) interligados com válvulas de corte de combustível de segurança automáticas.
  • Procedimentos operacionais adequado de funcionamento dos equipamentos.
  • Inspeções periódicas, visuais e registradas. Frequência adequada à idade do sistema, tipo de equipamento e das condições ambientais. As inspeções têm por objetivo identificar e gerenciar sistemas com condições tais como:
    • Equipamentos antigos
    • Sinais de danos
    • Equipamentos inadequados para a ocupação, local de equipamento inadequado (por exemplo, queimadores perto do armazenamento, fontes de combustível ou construção combustível)
    • Proteção física inadequada (guarda)
    • Exposições de combustíveis perto demais dos equipamentos •Acumulo de poeiras ou resíduos oleosos
  • Teste anual dos controles de equipamentos
  • Evitar torres de resfriamento de construção combustível (ex.: componentes de madeira ou plástico)

IDEIAS PARA MELHORIA DO RISCO

  • Avaliar o risco representado pelos sistemas de aquecimento e resfriamento através da realização de uma análise de riscos formal. Considerar a aplicação da Análise de Riscos Zurich (ZHA) ou outra metodologia de Análise de Riscos para identificar os perigos, analisar os riscos e implantar medidas de controle adequadas.
  • Verificar se os sistemas de aquecimento e resfriamento estão projetados e instalados de acordo com as normas aplicáveis.
  • Verificar se os sistemas de aquecimento e resfriamento são inspecionados e mantidos por normas aplicáveis e técnicos qualificados. Os controles de combustão de equipamentos movidos a combustível devem ser reparados e testados anualmente.
  • Implantar um programa de licença para avaliar e autorizar o uso, a localização e disposição dos equipamentos de aquecimento portátil.

Fontes

Risk Topics
Gas and Oil Fired Space Heating (PDF)
Steam-heating boiler inspection and maintenancert_2-12.001 (PDF)
Hot Water Heating/Supply Boiler Inspection and Maintenancert_2-12.002 (PDF)
Cold Weather Preparation (PDF)

Normas NFPA
NPFA 31 Standard for the Installation of Oil-Burning Equipment
NFPA 54 National Fuel Gas Code
NFPA 58 Liquefied Petroleum
NFPA 85 Boiler and Combustion Systems Hazards Code — addresses boilers at or above 3.7 megawatts (12.5 million) Btu/hr)
NFPA 211 Standard for Chimneys, Fireplaces, Vents, and Solid Fuel-Burning Appliances
NFPA 214 Standard on Water-Cooling Towers

Fechar Menu